terça-feira, fevereiro 09, 2010

Amigo de verdade se interessa pelo outro, quer saber e quer contar coisas da vida, quer-lhe o bem, dá uma força, ou simplesmente acolhe nos tempos difíceis, fica feliz quando o outro tá numa maré bacana, e mesmo com uma eventual ponta de inveja, comemora os êxitos do amigo. De repente pintam desacordos, "brigas", ficar de mal, mas logo se esclarecem as coisas, amigo desapega da necessidade de ter razão, ou de explicar tudo, dá risada até dos desentendimentos, não fica cozinhando mágoas pra sempre. Amigos se perdoam, e não tem vergonha de pedir desculpas.
Reciprocidade, alteridade, fraternidade. (Ou qualquer papo furado pode  virar uma conversa calorosa, divertida, profunda, cheia de cumplicidade.)
Amigos compreendem a falta de mensagens exclusivas num momento de agenda cheia, de muito trabalho.
Amigos são pra maus e bons, pra todos os momentos. Perto ou longe.
Com um amigo de verdade a gente pode ser simplesmente quem é, como nos tempos de criança.
Sou muito grata pelos amigos que tenho. Graças a voces, "el cantar tiene sentido".
Muito agradecida!!!

Anabel

PS: essa foto eu tomei emprestada de http://www.noticiasdaportela.pt/?p=95

Nenhum comentário:

Postar um comentário