sábado, novembro 28, 2009

Conversa biográfica, olho no olho, poesia e segredos, massagem, abraço, o espaço essencial refletindo o eu de cada um, a sincronicidade em Mário Quintana, Drummond, Lowen, Osho, sensação de conexão antiga, amiga, um momento tão generoso na brecha do combinado. A moça linda não tem noção do que perde dizendo não.
É, meu amigo, parece incrível, mas tudo isso pode dar muito medo! Imagina então em quem vive na normose cotidiana!?!
Eu agradeço.

Anabel

Um comentário: