segunda-feira, agosto 31, 2009

Se apenas querer estar juntos terminasse com todas as dificuldades de aceitar as diferenças... fluir em sintonia...
Talvez seja esse querer que falta no fundo... no fundo: o querer. Acreditar, confiar, entregar-me ao fluxo desse sentimento que precede o próprio querer. Mas a couraça tá cheia de reforços em brechas antes sempre abertas... devagar, haverá ainda tempo pra desmanchar o que não é verdadeiramente Eu? Desde que o início seja hoje.
Ontem vi fotos de um ontem não tão distante, e senti saudades de mim. Senti também muitas saudades de nós.

Anabel

3 comentários:

  1. Saudades é o que mais sinto. Principalmente de tudo que não consegui fazer. Em algum lugar de minha mente e de meu espírito, fui um sucesso. E é isso que dói prá cacete, pois sou o único espectador de um mundo tão bom e agradável.

    ResponderExcluir
  2. Saudade eu tenho de frescobol de idéias, de pontos de vista, aqueles papos sem fim, sem julgamentos, apenas prosear, meu amigo. Apenas prosear, e fazer coisas, musicar juntos, sem querer mostrar quem é o campeão.
    Pra mim vc é um sucesso sempre! Mesmo nas poças ácidas e áridas do mundo.
    Bjo

    ResponderExcluir